Lucão: A Simpatia Introvertida em Versos

0

Quem aí segue o poeta Lucão e é fã das poesias que ele publica no Instagram? Não tem como não ser, né turma!? Então olhem só, lá no início de novembro ele esteve em terras Tucuju para o lançamento do livro Telegramas e participou da Maré Literária, organizada pelos Poetas Azuis, e de quebra ainda deu uma entrevista exclusiva pro blog N’s Estilos. Confiram aí embaixo. Go!

Lucas Brandão tem 33 anos de idade, é goiano, publicitário, gêmeo do Henrique, tem mais quatro irmãos e é conhecido simplesmente como Lucão. O poeta conheceu a escrita quando tinha 20 anos e foi aí que ele se apaixonou pela poesia. O seu primeiro texto autoral foi uma crítica sobre um programa de TV que ele assistia.

“Foi na época que eu entrei na faculdade de comunicação. Eu lia bastante, adorava ler, e fiquei com ‘inveja’ dos autores que lia e quis me arriscar um pouco”.

Atualmente, Lucão possui mais de 446 mil seguidores no Instagram e atribui esse sucesso todo a simplicidade de suas palavras. “São poucas, são rápidas, falam de amor, acredito que o tema também atrai muito. Nunca foi pensado pra isso, mas se encaixou nesse modelo e eu fico feliz que estejam me lendo e sejam tantas pessoas interessadas em poesia”.

Com duas obras já publicadas, “É Cada Coisa Pra Dizer Que Te Amo” e “Telegramas”, Lucão garante que nunca pensou em escrever livros. “Eu recebi o convite de uma editora e fiz um livro, depois fiz o segundo e agora tô fazendo o terceiro”.

O poeta se diz maravilhado com a aceitação do público com seus livros. “Eu não meço se são muitas pessoas que estão me lendo. Se uma pessoa ler o que eu estou escrevendo já é muito mais do que eu imaginei. Tudo o que aconteceu desde o dia que eu publiquei meu primeiro livro é maravilhoso, é uma surpresa e uma grande novidade pra mim”.

E de onde vem toda essa inspiração, em turma? Lucão responde que pra onde ele olha pode vir uma inspiração. “Vem de tudo o que eu faço, de tudo o que eu leio, vem da vontade de escrever algo original e vem das experiências dos amores que eu vivo”.

Vindo pela segunda vez em Macapá, o poeta abriu o coração e falou do amor nutrido aqui. “Macapá é uma cidade maravilhosa, os macapaenses tem um carinho muuuito grande pelo o que eu escrevo, me recebem sempre com muito amor. Da primeira vez que vim, fiquei muito emocionado e quando me chamaram pela segunda vez eu topei bem rápido. Queria reviver essas emoções e foi novamente maravilhoso. Eu recebo muito amor aqui e saio de Macapá revigorado pra continuar a fazer poesia”.

Lucão está finalizando o seu terceiro livro que vai ser entregue agora em dezembro e promete que vai ser totalmente diferente dos dois primeiros. Atenção que vem spoiler aí… É um romance!

“É uma ficção baseada em uma história real que aconteceu na Espanha quando eu fui fazer o ‘Caminho de Compostela’. Eu vi essa história acontecer na minha frente e estou me baseando nela, inventando esse romance. Não posso contar mais, por que o final é muito interessante, haha”.

Já estamos aguardando ansiosamente o lançamento do novo livro e seja sempre muuuito bem vindo de volta para uma terceira, quarta, quinta… décima vez em Macapá, hahaha.

Nós o aguardamos, né turma?!

*Colaboração: Evelyn Pimentel.

*Agradecimentos: Poetas Azuis e Livraria Acadêmica News.

*Fotos: Reprodução.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Deixe seu comentário!
Informe seu nome aqui